Nagoya Japão – O Que Fazer

Nagoya - Dicas do que visitar e o que fazer

Nagoya é a maior cidade da região de chubu, é considerada a terceira cidade mais rica do Japão por possuir um dos maiores portos do país. Por ficar situada entre Tóquio e Quioto foi que elegemos esta cidade como base para rodar o Japão com o trem bala o Shinkansen. De lá saiamos todos os dias com o trem bala para conhecer as cidades próximas como Hiroshima e Quioto.

Ficamos hospedados num hotel bem próximo da estação de Sakae e próximo ao shopping Oasis 21 que é uma plataforma com um espelho de água, localizado no bairro Sakae que é considerado uns dos melhores bairros de Nagoya.Ler Mais

Hiroshima – O Que Fazer

Hiroshima monumento da paz dedicado as vitimas da bomba atômica

Hiroshima foi um dos lugares mais emocionantes que eu já fui, esta cidade é conhecida em todo o mundo pela tragédia do ataque nuclear americano durante a guerra mundial em 1945, agora a cidade esta totalmente reconstruída e moderna. Eu fiz um bate e volta saindo de Nagoya a minha cidade base, são 3 horas com o trem bala totalizando ida e volta 6 horas, normalmente não costumo fazer este tipo de bate e volta, mas como o meu objetivo em Hiroshima era visitar apenas o epicentro da bomba, memorial e o museu, a melhor alternativa foi essa.Ler Mais

Templos De Kyoto Japão

Kinkaku-ji templo de ouro em Kyoto Japan

Kyoto foi a capital do Japão por séculos, abriga um palácio imperial, castelo Niju, e também é a cidade das gueixas e dos templos, é o Japão antigo. Diferente de Tóquio Kyoto não tem arranha-céus, mas é gigante e cheio de gente. As principais atrações de Kyoto são visitar os templos e conhecer um pouco da cultura japonesa antiga. Neste post vou falar sobre os 3 principais templos de Kyoto: o templo de ouro Kinkaku-ji, o Kiyomizu-dera que é conhecido como o templo da água pura, o Fushimi Inari com um corredor imenso e seus portões imponentes e ainda sobre um templo que encontrei que achei maravilhoso o Higashiyama-ku kyoto que fica um pouco antes do inicio da ladeira para o Kiyomizu-dera.

Ler Mais